Encontre seu próximo imóvel

Notícias

Institucional

Casa Verde e Amarela: como o programa pode ajudar no seu primeiro imóvel 

Atualizado em 25/04/2022 às 13:04
Casa Verde e Amarela: como o programa pode ajudar no seu primeiro imóvel 

25/04/2022 

Por Isabella Cardoso, da FSB 

O sonho do imóvel próprio cada vez mais tem se tornado realidade com mais facilidade. 

Com a expertise de empresas como a HM Engenharia, que possui foco na construção de imóveis econômicos de qualidade, boa localização e preços acessíveis, em conjunto com o programa federal “Casa Verde e Amarela”, lançado em agosto de 2020 para substituir o “Minha Casa, Minha Vida” é possível fazer com que muitas famílias tenham acesso a compra do seu primeiro imóvel. 

Com condições financeiras atrativas, famílias de baixa renda tem a possibilidade de financiar o primeiro imóvel com taxas de juros reduzidas e prazo de pagamento diferenciado.  

O Programa Casa Verde e Amarela atende famílias com renda mensal entre R$ 2,4 mil a R$ 7 mil, divididos em três grupos:  

Grupo 1: renda mensal - até R$2.000,00 

Grupo 2: renda mensal de R$ 2.000,00 a R$ 4.000,00 

Grupo 3: renda mensal de R$ 4.000,00 a R$ 7.000,00 

Para o grupo 1, o subsídio na aquisição da moradia pode chegar a R$ 47,5 mil para pagamento de parte do valor do imóvel. O valor máximo do subsídio varia de acordo com a renda familiar e localização do imóvel.  

Para participar do programa não basta se enquadrar em um destes três grupos, é preciso ainda que o valor do imóvel escolhido para financiamento também esteja dentro dos limites estipulados pelo governo federal. Os novos tetos vão de R$ 135 mil a R$ 264 mil e os valores são definidos levando em consideração o número de habitantes de cada município.  

Por exemplo: para capitais definidas pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) como metrópoles, o teto é R$ 264 mil. É o caso das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal. Já municípios com população maior ou igual a 100 mil habitantes integrantes das Regiões Metropolitanas das capitais estaduais, de Campinas (SP), Baixada Santista e das Regiões Integradas de Desenvolvimento – têm teto que varia de R$ 198 mil a R$ 253 mil.  

Desde 2019, o Casa Verde e Amarela já entregou R$ 1,2 milhão de unidades à população de baixa renda, segundo o governo federal. Para solicitar o auxílio, é necessário que o indivíduo seja brasileiro ou naturalizado, tenha mais de 18 anos, não tenha casa própria ou esteja financiando um imóvel e nunca tenha recebido benefício de moradia do governo, além de se encaixar nas rendas contempladas. 

O cadastro ao programa Casa Verde e Amarela pode ser realizado de forma individual, por uma construtora ou entidade organizadora, contando que elas estejam vinculadas a algum investimento da Caixa Econômica Federal. Então, quando você encontrar o imóvel de seus sonhos, basta ir à Caixa entregar a documentação necessária para análise do financiamento.  

Entenda melhor as regras do Casa Verde e Amarela: https://www.gov.br/pt-br/noticias/assistencia-social/2021/10/casa-verde-e-amarela-governo-federal-institui-medidas-para-facilitar-acesso-ao-financiamento-habitacional 

A HM Engenharia possui diversos empreendimentos que se adequam ao programa “Casa Verde e Amarela”, conheça mais os nossos imóveis em: https://eme.maishm.com.br/imoveis  

 

#HMEngenharia #CasaVerdeEAmarela #PilarInstitucional #PilarPessoas