Encontre seu próximo imóvel

Notícias

Institucional

Fique por dentro das obrigações do síndico

Atualizado em 04/09/2023 às 15:09

Nada melhor do que morar em um condomínio onde tudo funciona: a limpeza está sempre em dia, os funcionários são prestativos, as áreas de lazer e convivência estão sempre impecáveis. Mas para que isso e muito mais aconteça, a atuação do síndico é essencial. Ele é quem tem o papel crucial na administração e na gestão de condomínios.

As obrigações do síndico envolvem uma série de responsabilidades. Neste post, vamos falar mais sobre elas e também esclarecer as obrigações que podem (e devem) ser cobradas sempre que necessário. 

 

Administração financeira é responsabilidade do síndico

 

O síndico é responsável pela elaboração do orçamento anual do condomínio, pela cobrança de taxas condominiais dos proprietários, pelo pagamento de despesas, como contas de água, luz, manutenção e outras obrigações financeiras do condomínio. 

Por isso, é importante que o síndico seja alguém de confiança e escolhido com a concordância da maioria dos moradores. 

Além disso, o síndico deve prestar contas regularmente aos moradores, mostrando relatórios financeiros, demonstrativos de gastos e outros aspectos relevantes da gestão condominial.

 

O síndico também é responsável pelos funcionários

Seu condomínio tem muitos funcionários, como porteiros, zeladores, faxineiros, entre outros. Sendo assim, é preciso que alguém os oriente e explique como as coisas devem funcionar dentro daquele espaço. Esse papel é do síndico.

Além disso, ele é o responsável pela contratação e demissão dessas pessoas, e também deve zelar por um ambiente de trabalho saudável e produtivo.

 

Zelo pela manutenção e conservação 

O síndico deve zelar pela manutenção e conservação das áreas comuns do condomínio, garantindo que as instalações estejam em boas condições. Ele também deve coordenar os serviços de limpeza, jardinagem, reparos e obras necessárias. Ou seja, se algum espaço não está de acordo com o que os moradores esperam em termos de conservação, o síndico pode ser responsabilizado.

 

Mediação de Conflitos: um papel do síndico

 

Mais uma responsabilidade do síndico é mediar conflitos entre moradores, vizinhos e demais partes envolvidas no condomínio. Ele deve trabalhar na busca por soluções amigáveis, sempre com objetivo de evitar litígios e problemas maiores.

 

O síndico pode ser representante legal do condomínio

 

O síndico pode representar ainda o condomínio em questões jurídicas, como ações judiciais, contratos com prestadores de serviços e outros assuntos legais relacionados ao condomínio.

Por isso, se você está pensando em se tornar o novo síndico de seu condomínio, ou se existe a necessidade de escolher uma pessoa para exercer essa função onde você mora, não esqueça de levar em consideração todos esses pontos. Afinal, morar bem também significa morar em um local organizado e respeitoso.

Para continuar recebendo informações sobre questões importantes como essas, continue seguindo nosso Blog.